Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de
Ensino de Presidente Prudente e Região

NOTÍCIAS DO DIA
Sinpro dobra prefeitura de Santo André na vacinação de educadores, matrículas no EaD crescem 9,8%, USP é 121 entre as melhores do mundo, nenhuma particular na lista, e mais:

quarta-feira, 9 de junho de 2021

Nesta quinta, sexta e sábado: assembleias de professores do Senac em todo o Estado. Procure seu sindicato para conferir dia, horário e obter o link de participação.

 

Capital paulista vacina profissionais da educação de 45 e 46 anos nesta quarta
Agora; 09/06
https://bit.ly/3w6AYmE

Os profissionais da educação que têm 45 e 46 anos podem se vacinar na capital paulista, contra a Covid-19, a partir desta quarta-feira (9). Segundo a Prefeitura de São Paulo todas as 468 UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município estão abastecidas para realizar a imunização de grupos prioritários.

A Secretaria Municipal da Saúde afirma que os munícipes devem buscar a vacina de maneira gradual, para evitar aglomerçaões nos postos. Segundo o órgão, é importante preencher o pré-cadastro no site Vacina Já (www.vacinaja.sp.gov.br), o que ajuda a agilizar o atendimento em até 90%.

Veja onde se vacinar aqui.

 

Vitória do sindicato: Santo André vacinará todos os profissionais da educação estadual e particular
Abc do ABC; 08/06
https://bit.ly/3isP79L

A Prefeitura de Santo André começa a vacinar contra a Covid-19 neste final de semana profissionais da educação básica da rede privada, estadual e conveniada. É necessário fazer agendamento no site psa.santoandre.br/vacinacovid, que indicará data, local e horário disponíveis.

O agendamento estará disponível a partir desta terça-feira (8). No local de vacinação, os profissionais da educação básica devem apresentar documento que comprove o vínculo ativo com a instituição de ensino, como holerite atualizado ou declaração emitida pela escola.

Para esclarecer dúvidas e obter outras informações sobre o cadastramento, além do portal da Prefeitura de Santo André, há o telefone 0800-4848004.


Santo André: vacinação foi exigência do Sindicato
Sinpro ABC; 08/06
https://bit.ly/3v9mfGl

Após forte pressão do movimento sindical e de grupos de representação dos profissionais da Educação, a Prefeitura de Santo André informou que vacinará toda a categoria neste final de semana, incluindo os trabalhadores da rede privada e servidores estaduais.

SINPRO ABC segue reivindicando ao município rigor na fiscalização das escolas para que a retomada às atividades seja feita de forma prudente, responsável e com segurança para todos. Ainda, pede que o prazo para a eficácia da imunização seja respeitado.

Ontem, em São Caetano do Sul, após reunião com o SINPRO ABC, o prefeito anunciou a vacinação para os trabalhadores das escolas particulares. Nossa diretoria continuará monitorando as datas, uma vez que, neste momento, o cadastramento está limitado para pessoas com 40 anos ou mais.

 

Campinas pede para manter servidores da Educação com comorbidades no trabalho
A Cidade ON; 07/06
https://bit.ly/3cu873Z

A Prefeitura de Campinas solicitou ao MPT (Ministério Público do Trabalho) que reconsidere o pedido de afastar das atividades presenciais os profissionais da Educação que possuam algum tipo de doença prévias (comorbidades), até que todos estes trabalhadores sejam completamente imunizados.

Em maio o MPT determinou que a secretaria de Educação de Campinas afastasse das atividades presenciais os profissionais que possuam algum tipo de doença prévias (comorbidades), até que todos estes trabalhadores sejam completamente imunizados.

De acordo com a procuradora Clarissa Ribeiro Schinestsck, a Prefeitura de Campinas teria até oito dias para cumprir a determinação, que faz parte do inquérito que acompanha o retorno das aulas nas escolas da rede municipal.


São Paulo: Greve de professores municipais que durou quase 120 dias é suspensa em São Paulo
UOL; 08/06
https://bit.ly/352goYL

A greve dos professores em São Paulo foi suspensa nesta terça-feira (07). Os educadores estavam há quase 120 dias em paralisação. Entre as exigências da categoria junto ao município está a priorização da imunização, a testagem e a distribuição gratuita de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual).

Segundo Nelice Pompeu, ex-diretora do Sinpeem (Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal de São Paulo) e membro do Movimento Escolas sem Luto, a assembleia do Sinpeem foi apertada, com 48% dos votos pela suspensão da greve e 45% pela continuidade.


Educação estadual convoca professor para curso presencial na pandemia; sindicatos criticam
Agora; 08/06
https://bit.ly/3pzd9Sd

Sindicatos que representam professores da rede estadual de São Paulo criticam uma ação presencial programada pela Secretaria de Estado da Educação, gestão João Doria (PSDB), para formação de funcionários das escolas públicas.

O evento ocorrerá nesta terça (8) e quarta-feira (9) no Memorial da América Latina, na zona oeste da capital paulista, e deverá receber cerca de 500 pessoas de diferentes regiões do estado de SP.

As entidades dizem que repudiam a decisão, que chamam de “irresponsável” e se posicionam contra os eventos presenciais. O texto é assinado por Afuse (Sindicato dos Funcionários e Servidores da Educação de São Paulo), Apampesp (Associação de Professores Aposentados do Magistério Público do Estado de São Paulo), Apase (Sindicato dos Supervisores de Ensino do Magistério Oficial no Estado de São Paulo), Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), CPP (Centro do Professorado Paulista) e Udemo (Sindicato de Especialistas de Educação do Magistério Oficial do Estado de São Paulo).


CORONAVÍRUS

Veja como se inscrever na xepa da vacina contra a Covid em SP
Folha de S. Paulo; 08/06
https://bit.ly/350TMbd

Municípios têm criado regras para a distribuição da chamada xepa da vacina contra a Covid-19, com a aplicação de doses que sobram nos frascos já abertos dos imunizantes ao final do dia.

A medida ajuda a evitar o desperdício, uma vez que as substâncias têm um prazo de validade após a abertura dos recipientes, que podem conter mais de uma dose. Atualmente, são aplicadas três vacinas diferentes no país (CoronaVac, AstraZeneca/Oxford e Pfizer/BioNTech), e cada uma delas pode ficar fora da geladeira um tempo diferente, que varia de 6 horas a 48 horas.

Como se cadastrar? – É preciso entrar na lista de espera da unidade de saúde mais próxima do local de residência.

O que é preciso levar? – Documento de identificação (preferencialmente CPF) e comprovante de endereço. Para as pessoas com deficiência permanente, é necessário levar um comprovante da deficiência, que pode ser laudo médico, cartão de gratuidade no transporte público, documentos que comprovem atendimento em centros especializados no atendimento de pessoas com deficiência ou documento de identidade que indique a deficiência. Os estudantes elegíveis devem levar comprovante de matrícula.

 


Garis de São Paulo entram em greve por vacinação contra a covid-19
Rede Brasil Atual; 08/06
https://bit.ly/3xmquQz

Os serviços de limpeza urbana em greve incluem garis, varredores e motoristas de caminhões de coleta. Na manhã de hoje, os trabalhadores realizaram manifestações na Praça do Patriarca, na Praça da Sé e no Pátio do Colégio, no centro da cidade. Vários bairros da capital já estão sendo afetados pela falta de coleta de lixo. Mas, em vez de dialogar, a Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb) anunciou que vai tomar medidas judiciais contra os trabalhadores por paralisar um serviço considerado essencial.

Em nota, os garis em greve afirmam que ignorar as reivindicações da categoria por inclusão na vacinação contra a covid-19 é “uma demonstração de descaso”. “A medida enérgica é a única forma encontrada para chamar a atenção e obter apoio da população e das autoridades para a vacinação imediata das categorias”, complementam.

 


POLÍTICA EDUCACIONAL

Matrículas em EAD no ensino superior particular crescem 9,8% no 1º semestre
IstoÉ Dinheiro; 08/06
https://bit.ly/3itiCYZ

O ensino superior da rede privada sofreu uma queda de 8,9% nas matrículas em cursos presenciais durante o primeiro semestre de 2021, enquanto a modalidade à distância (EAD) viu a procura subir 9,8% no mesmo período. Os dados são do Mapa do Ensino Superior no Brasil lançado nesta terça-feira, 8, pelo Instituto Semesp, e refletem uma tendência que se mantém desde 2016 e deve aumentar ainda mais no período pós-pandemia.

Desde o ano passado, houve um aumento de 14% nos polos que oferecem ensino a distância pelo País. Apesar desse crescimento, a Semesp aponta que a taxa de escolarização líquida, que calcula a porcentagem de jovens dos 18 aos 24 anos matriculados no ensino superior em relação à população total dessa faixa etária, continua estagnada em 17,9%. Não só isso, mas ela ainda está longe de chegar à meta de 33% proposta pelo Plano Nacional de Educação para daqui a três anos.

 

Dobra o número de universidades brasileiras entre as melhores do mundo, mas nenhuma entra no top 100
Folha de S. Paulo; 08/06
https://bit.ly/3zca2E7

O Brasil é o país da América Latina com o maior número de universidades entre as mais reconhecidas do mundo. Segundo a última avaliação da QS (Quacquarelli Symonds), 27 instituições de ensino brasileiras entraram no ranking, 13 a mais que no ano passado. Apesar do maior número de universidades reconhecidas, nenhuma delas aparece entre as cem melhores do mundo.

A universidade com melhor qualificação em 2021 foi a MIT (Massachussetts Institute of Technology, em Cambridge, EUA). Veja a lista completa aqui.

As dez universidades mais bem avaliadas do Brasil:

121º: USP
219º: Unicamp
369º : UFRJ
434º: Unifesp
492º: Unesp
651-700: PUC-Rio
651-700: UFMG
751-800: UFRGS
801-1000: PUC-SP
801-1000: UnB

 


Cientistas lançam mapa interativo do cérebro humano que permite ‘viagem’ pelo órgão
Folha de S. Paulo; 08/06
https://bit.ly/3iqa6Ks

Cientistas da área de inteligência artificial do Google e da Universidade Harvard (EUA) desenvolveram um mapa interativo do cérebro humano. Na plataforma, é possível visualizar milhares de neurônios e fragmentos de neurônios, 130 milhões de sinapses e ainda estruturas celulares e subcelulares —tudo isso com a reconstrução digital de um milímetro cúbico de tecido cerebral.

A resolução das imagens é tão alta que todos esses dados ocupam um espaço de 1,4 petabytes, equivalente a quase 3.000 vezes a capacidade de armazenamento de um smartphone com 512 gigabytes de memória.

As imagens podem ser acessadas livremente em uma plataforma chamada Neuroglancer. Na página oficial do projeto, é possível ver trechos específicos do cérebro, o que facilita o uso da ferramenta na educação, por exemplo.

Para montar o mapa, os pesquisadores usaram tecido cerebral doado por uma paciente de 45 anos que passou por uma cirurgia de retirada de um foco epilético no lobo temporal, na parte lateral do cérebro. Ao retirar a parte afetada, os médicos precisaram também remover um pouco de tecido saudável do córtex, que passou por um tratamento para poder ser cortado em mais de 5.000 fatias extremamente finas (30 nanômetros cada). Essas porções foram digitalizadas para a construção do mapa em três dimensões (3D).

De acordo com o Google, essa é a maior amostra de tecido cerebral de qualquer espécie reconstruída digitalmente até o momento.

Segundo a empresa, os principais objetivos da pesquisa são fornecer novas fontes para estudo do cérebro humano e promover melhorias em tecnologias da conectômica, área da ciência dedicada a criar mapas e representações das conexões do sistema nervoso.